Aprenda inglês para fazer amigos em qualquer país do mundo

O conhecimento do inglês é garantia de sucesso para a sua viagem internacional


É uma pena que ainda muitos brasileiros ainda não tenham entendido a importância que o idioma inglês tem nos mais diversos países,no conhecimento científico e também no exercício das mais diferentes profissões.
Muitas vezes, quem mora no Brasil, conhece muito bem o português, valorizando o nosso idioma, o que é muito positivo, tanto para as pessoas como na identidade nacional. No entanto, a língua que mais exerce influência no mundo é o inglês, que continua sendo o mais falado entre todos os países do mundo.
Imagem: http://www.viajarpelomundo.com/2009/05/nova-york-boa-pedida-em-qualquer-epoca.html

O segundo idioma mais falado é o francês, mas com uma frequência bem menor do que o inglês. Se for considerado o número de falantes em um só país, enquanto língua materna, o mais falado do mundo seria o mandarim, falado na China. Como a China é o maior país do mundo, em termos populacionais, o madarim passa a ser o mais falado.

Mas se for considerado o idioma como língua estrangeira ou segunda língua de um país, o inglês é o mais popular e difundido por todos os continentes.

Mesmo com a atual expansão do espanhol, ainda não há comparação entre a influência dos dois. O inglês está cada vez mais forte e a posição que ocupa se deve ao domínio econômico exercido pelos Estados Unidos no mundo atual e pelo poder político exercido pela Inglaterra no passado. Na história o idioma mais falado está ligado à cultura e ao poder das nações mais influentes, o que fez com que o francês fosse muito falado no século dezenove.

Para facilidade de comunicação em diversas situações, quando viajamos é essencial que saibamos uma língua estrangeira. Já que o inglês é o idioma mais falado, o investimento na aprendizagem do inglês vai se revelar muito compensador, porque vai fazer com que qualquer viagem ao exterior possa ser muito melhor aproveitada.

Ao visitar um país estrangeiro, podemos aprender mais sobre os pontos turísticos que visitamos, conhecendo o inglês. Na maioria dos países, os sinais indicativos, os cartazes, os avisos e outras comunicações estão em inglês. Há países que falam vários idiomas, como a Suíça, onde se fala alemão, francês, italiano e inglês. Se você não falar os três primeiros idiomas, em inglês poderá se fazer entender em todos os lugares. Sem conhecer esses idiomas vai ficar difícil escolher um prato em restaurantes, entender as atrações, pedir uma informação.

Não saber falar inglês causa até receio em viajar ao exterior para brasileiros que só falam português. Esse problema causa uma limitação, impedindo que se avance no conhecimento que é tão necessário, tanto culturalmente, quanto profissionalmente.

Quem conhece o inglês pode se virar bem em qualquer lugar do mundo, mesmo onde ele não é a língua oficial. Sem o inglês é preciso muito bom humor e criatividade para conseguir se comunicar pelo mundo. Mesmo que a intenção do turista não seja ficar conversando com as pessoas do local, o inglês será necessário para pedir informações, pedir um produto, solicitar um serviço, pedir ajuda, etc. Se a intenção é estabelecer amizades, então a dificuldade será real.

Sem conhecer o inglês é possível viajar para o exterior se você estiver disposto a pagar uma excursão, promovida por uma agência brasileira, que forneça guias que falem português. Mas saiba que isso vai custar pelo menos 30% do que uma viagem que você programa e compra por conta própria.

Sempre é bom lembrar que uma viagem também envolve aprendizagem. Aprender um novo idioma como o inglês com certeza vai contribuir para expandir seus horizontes e trazer elementos novos e valiosos para sua vida.

Imagem: http://www.behappynow.com.br/como-viajar-sem-falar-outro-idioma/

Mesmo que você ainda não tenha um inglês fluente, saber um pouco é melhor do que nada. Se você for aos Estados Unidos, por exemplo, e estiver procurando o Central Park em Nova York, como pediria ajuda e explicações sem falar inglês? Por meio de gestos seria difícil. Sem conhecimentos de inglês você pode tentar mímica ou desenhar na hora de pedir ajuda, mas muito das informações se perdem e até mal entendidos podem surgir.

Top 5: Parques temáticos extravagantes

Os parques temáticos são algumas das atrações mais procuradas pelos turistas, principalmente quando falamos de sucessos como Walt Disney World, Universal Studios e Sea World, todos localizados nos Estados Unidos.

Porém, há alguns que mesmo com brinquedos como montanha-russa e roda-gigante como entretenimento, fogem um pouco de temáticas mais comuns e acabam tornando-se conhecidos por suas excentricidades e curiosidades.

Veja a seguir os cinco parques temáticos mais curiosos do mundo:

5- Bonbon Land

O Bonbon Land, na Dinamarca, embora tenha atrações tradicionais como montanha-russa e carrossel, possui uma decoração um tanto excêntrica, incomum pelo menos a nós brasileiros.

Dinamarca
Uma das atrações do BonBon Land, na Dinamarca

Com imagens de animais caricaturizados em poses esquisitas e engraçadas, os visitantes se surpreendem, por exemplo, com uma montanha-russa que possui um cão com problemas intestinais e um carrossel com uma tartaruga que, de tanto rodar, aparenta sérias náuseas.

Apesar disso, o local recebe pais e crianças que se divertem nos brinquedos e posam para fotos ao lado dos personagens que beiram a bizarrice, mas são extremamente carismáticos.

4- Holy Land Experience

Localizado em Orlando, nos Estados Unidos, o parque Holy Land Experience leva seus visitantes a uma viagem para mais de 2 mil anos atrás, seguindo passagens da Bíblia Sagrada.

Estados Unidos
Entrada principal do parque temático Holy Land Experience

Com a proposta de reunir diversão e ensinamentos sagrados, o parque possui atrações inusitadas, como encenações da Paixão de Cristo e da Última Ceia, que podem ser vistas após o pagamento de uma taxa de 40 dólares, recriações de locais sagrados em Israel e o Mercado de Rua de Jerusalém. Além disso, as crianças podem se divertir na “Terra da Aventura Sorriso de Criança”, um  local que possui parede de escalada para que os pequenos gastem energia enquanto ficam em contato com Deus.

3- Suoi Tien Cultural Amusement Park

Mudando de religião, o Suoi Tien Cultural Amusement Park, localizado no Vietnã, é um parque aquático com temática referente ao budismo e atrações que remetem à história do país.

Em meio a imagens de dragões, unicórnios, tartarugas e fênix e outros animais sagrados que se espalham pelo parque, os turistas podem se divertir em atrações como o Reino dos Crocodilos, onde mais de mil répteis da espécie podem ser alimentados com carne fresca pelos visitantes.

Vietnã
O mar artificial do Suoi Tien Cultural Amusement Park

Outras atrações são uma praia artificial com uma cachoeira gigante e a face de um imperador esculpida nela, um jardim de dinossauros e brinquedos comuns a todos os parques de diversão.

2- Beijing Shijingshan Amusement Park

Localizado em Pequim, na China, o Beijing Shijingshan Amusement Park nada mais é do que uma cópia de outros parques de diversões do mundo, em especial as atrações da Disney. O parque já foi inclusive acusado de plágio, mas continua na ativa para aqueles que não podem visitar os parques originais.

Aberto em 1986, o parque conta inclusive com um castelo bastante semelhante ao da Bela Adormecida, da Disney, e uma estrutura metálica que se parece com o famoso símbolo do Epcot, também da Disney.

Pequim
Este castelo é uma das “cópias” da Disney do Beijing Shijingshan Amusement Park

Entre os personagens, encontramos alguns que lembram os japoneses Hello Kitty e Doraemon e os americanos Pernalonga e Shrek.

1- Dickens World

Fãs do escritor inglês Charles Dickens, em visita a Kent, na Inglaterra, têm como visita obrigatória o Dickens World, parque temático que homenageio o escritor.

No local, os visitantes podem entrar em um mundo da fantasia e se deparar com alguns de seus personagens favoritos, como aqueles de “Oliver Twist” e “David Copperfield”, além de conhecer mais detalhes sobre a vida de Dickens ao longo da era vitoriana na Inglaterra.

Inglaterra
Cenário reproduzido das criações de Charles Dickens, no Dickens World

Embora remeta mais a um museu e tenha apenas uma atração (uma montanha encantada percorrida por um barco), o local é um parque de diversões com réplicas de casas, salas de aula e até mesmo cemitério e casa fantasma.

E você, arriscaria visitar alguns destes parques temáticos?

15 Curiosidades fantásticas sobre a cidade maravilhosa!

Um dos destinos turísticos mais procurados no mundo, a cidade do Rio de Janeiro, além de esbanjar charme e simpatia esconde deliciosas curiosidades que vale a conferência, principalmente para aqueles que querem conhecer mais sobre a cidade maravilhosa:

Rio de Janeiro
Rio de Janeiro

1

– A cidade está localizada na região sudeste do Brasil, a mais rica e dinâmica do País, onde se localiza o maior mercado consumidor da América Latina. O Rio de Janeiro é considerado o cartão-postal do Brasil, possuindo um charme envolvente, diversos tipos de climas e paisagem.

2

– O litoral do estado tem a extensão de 636km e é de uma beleza incomparável, proporcionando a realização de esportes náuticos além de diversas opções de lazer à beira-mar: as praias e ilhas tropicais de Angra dos Reis, a beleza de Parati, as dunas em Cabo Frio, o turismo balneário em Arraial do Cabo, entre outras.

3

– A Consultoria Euromonitor International divulgou em janeiro de 2010 que o Rio de Janeiro é o principal destino turístico do Hemisfério Sul. No “Top City Destinations” (lista dos 100 municípios que mais receberam turistas externos) a cidade comparece em 40º lugar, na frente de Berlim, Tóquio, Atenas, entre outras.

4

– A cidade do Rio de Janeiro foi eleita a ‘Cidade Mais Feliz do Mundo’ pela Revista Forbes em 2009.


Cidade Mais Feliz do Mundo
Cidade Mais Feliz do Mundo

5

– Rio de Janeiro nem sempre ocupou status de cidade maravilhosa, por muito tempo foi considerada uma cidade tímida e pequena, somente com a chegada da família real em 1808 que ganhou o reconhecimento como metrópole.

6

– O Rio de Janeiro foi a capital brasileira entre 1763 a 1960, perdendo esse status em 1961, com a construção de Brasília.

7

– Em agosto de 2004 o maravilhoso Rio de Janeiro ganhou uma homenagem merecida de 200 milhões de quilômetros de distância, em Marte. O cientista da Nasa, Paulo Souza fez  questão de batizar uma rocha marciana de Pão de Açúcar.

8

– O Monumento Cristo Redentor, foi eleito uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo Modernos em julho de 2007.

Cristo Redentor
Cristo Redentor

9

– O Pão de Açúcar é um monólito (rocha única) com 395 metros de altura formado há mais de 610 milhões de anos.

10

– Arquipélago: Na Baía de Guanabara existem cerca de 100 ilhas. Entre as mais famosas estão Paquetá e Ilha do Governador.

Baía de Guanabara
Baía de Guanabara

11

– A cidade foi eleita o melhor destino na América do Sul segundo concurso do World Travel Awards 2009. Ipanema ficou com o título “A melhor praia do continente”.

12

– O site AskMen que possui cerca de 5 milhões leitores elegeu Copacabana como a praia mais bonita do mundo.

13

– Uma pesquisa elaborada pelo site “The Blue Sky Explorer” escolheu, entre 19 concorrentes em seis continentes, o céu do Rio de Janeiro como o céu mais azul do mundo seguindo os critérios do NPL – The Nacional Physical Laboratory.

14

– Copacabana significa “mirante do azul”, na língua quíchua. Na Bolívia existe uma localidade com o mesmo nome.

Praia de Copacabana
Praia de Copacabana

15

– Sem duvidas, o Rio de Janeiro é considerado o principal destino turístico do Hemisfério sul.

Superdica:

O site Turismo In Rio está lançando uma promoção imperdível! Use o twitter e concorra a prêmios com a sua cara: Ingressos para cinema, Entradas para o Pão de Açúcar, Jantar Romântico em um restaurante chique e etc. Veja como participar!

Destaques de Santa Catarina

Santa Catarina possui uma geografia bem diversificada, com belas praias, serras, vales, rios, lagos e cachoeiras, onde a prática de esportes ligados a natureza são incontáveis: rafting, montanhismo, treking, mergulho, vôo livre, passeios de barco, etc…

O estado oferece 500 km de litoral com praias para todos os gostos, é difícil apontar as melhores, mas, entre elas, podemos destacar: Laguna, Imbituba, Garopaba, Itapema, Bombinhas, Balneário Camboriú e  Florianópolis, que por si só, soma em torno de 40 praias. Todos os anos, as baleias Franca vêm parir e amamentar seus filhotes no litoral entre Laguna e Florianópolis.

Serra do Rio do Rastro
Serra do Rio do Rastro

A serra catarinense não fica para trás, todos os anos, há precipitação de neve nas cidades mais altas, belas paisagens de montanha se fazem presente em São Joaquim e Urubicí, além da fantástica Serra do Rio do Rastro.

No Vale do Itajaí, é possível fazer boas compras no pólo têxtil de Brusque e curtir a cultura alemã de Pomerode e na Oktoberfest, em Blumenau. Perto dali, fica um dos maiores parques temáticos do mundo, o Beto Carrero World, onde a diversão e adrenalina é garantida.

Beto Carrero World
Beto Carrero World
Vila Germânica Blumenau
Vila Germânica Blumenau

Santa Catarina oferece muitos outros atrativos; estâncias de águas termais, grande variedade cultural, arquitetura colonial, gastronomia típica, festas, danças, além de uma ótima rede hoteleira e estrutura de serviços. Confira dicas, fotos e informações turísticas detalhadas de cada destino catarinense no blog  Viagens e Caminhos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...