Perdi meu voo, e agora?

Você sai de casa alguns minutos atrasado com destino ao aeroporto, precisa parar em um posto mais próximo para abastecer e perde alguns minutos, a avenida principal que irá desembocar no aeroporto está totalmente congestionada e não há outra alternativa, a única saída é respirar fundo e esperar. Ao chegar ao balcão de check-in você descobre que não pode mais embarcar, e agora, o que fazer?

Situações como essa é recorrente em aeroportos diariamente, e grande parte dos passageiros ficam totalmente perdidos durante o momento, pensamentos como “já fiz a reserva hotel” ou “será que eu vou perder todo dinheiro investido nessa viagem?” invadem a mente de quem está passando por isso. Veja aqui no nosso blog algumas dicas que podem ser de grande valia caso você passe por essa situação desagradável. Confira:

Atenção aos horários

Horário voos
Horário voos


Essa dica é valiosa e pode fazer com que você evite o indesejável voo perdido! As companhias aéreas em geral avisam, mas é sempre bom ressaltar que o passageiro deve chegar no aeroporto com uma hora de antecedência para voos domésticos e duas horas de antecedência para voos internacionais. Atualmente também existe a opção de realizar o check-in através do site da empresa que você comprou os bilhetes, mas isso não lhe isentará da responsabilidade de levar seus documentos e chegar no horário determinado.

Cheguei atrasado e não consegui embarcar, o que eu faço?

Se o passageiro chegou atrasado por qualquer motivo e não conseguiu embarcar, as empresas aéreas tem o direito de cobrar uma taxa por não comparecimento no momento de remarcar a passagem, e o usuário do serviço também deve estar ciente que seu próximo embarque só será feito quando houver lugar disponível. Algumas companhias não cobram a taxa de remarcação dependendo da classe que o passageiro vai viajar.

Desistência ou alteração da data de embarque

Se você pretende desistir do voo ou até mesmo mudar sua data da viagem deve informar a companhia aérea com certa antecedência. Como dissemos anteriormente, algumas classes de voo ou modelos da passagem permitem que o consumidor remarque o embarque sem custo adicional. No caso de desistência, grande parte das companhias faz o reembolso, porém, isso pode demorar no mínimo trinta dias.

E o tal de overbooking?

Fila aeroporto
Fila aeroporto


O overbooking ocorre quando as companhias aéreas fazem um número de reservas maior do que a capacidade do avião, então alguns passageiros ficam sem voo. Segundo informações da ANAC esse problema deve ser resolvido pela própria empresa que terá três alternativas: colocar o passageiro em outro voo em um período máximo de quatro horas, reembolsar  ou arrumar outro meio de transporte para o passageiro. As empresas também são obrigadas a oferecer auxilio para o passageiro durante o tempo de espera, como internet, alimentação e hospedagem, caso seja necessário permanecer na cidade para aguardar um voo para o dia seguinte.

Com essas dicas, agora basta você se organizar no seu tempo para evitar qualquer desconforto com a perda de um voo. Caso você tenha alguma experiência desagradável de perder um voo, nos conte quais foram as medidas que você tomou para contornar a situação. Participe!

As viagens de Walter e Lucineide – vaconfeRir.com

O objetivo do blog FalaTurista é trazer aos leitores do roteiros e informações importantes que permeiam o universo de viagens e turismo, logo, é sempre bom ouvir histórias de viajantes experientes que dedicam parte da sua vida para conhecerem novos lugares e culturas diferentes. O nosso post de hoje é especial, falaremos do casal Walter e Lucineide que são proprietários do blog Vá Conferir e também turistas de carteirinha! O nome do blog surgiu de uma ideia bacana da dupla, que estava acostumada a receber parentes e amigos após cada passeio, para mostrar as fotos e contar sobre os causos e micos ocorridos na viagem, logo, a junção das palavras vá+confere+rir que estavam sempre presentes nas histórias contadas por Walter e Lucineide formaram o nome blog.

Demos uma espiadinha no blog Vaconferir. Encontramos relatos maravilhosos, por isso, selecionamos alguns roteiros que fazem parte da extensa lista de lugares conhecidos por Walter e Lucineide e que podem ser sua próxima viagem.

Instituto Ricardo Brennand

Instituto Ricardo Brennand
Instituto Ricardo Brennand


Segundo Walter, quem é apaixonado por armas de guerra deve incluir esse local em seu roteiro de lugares a serem visitados. O viajante diz que o museu abriga uma quantidade de armas capaz de dar inveja a qualquer cangaceiro ou militante de uma guerra. São adagas, punhais, facas, estiletes, clavas, e até algumas armas de fogo. Dentro do instituto encontramos também uma pinacoteca e uma biblioteca, e em seus jardins diversas esculturas de arte espalhadas pelos quatro cantos. O instituto fica em Recife, para chegar até lá é muito fácil, o prédio fica ao lado da UFPE.

Cânions de Xingó

Cânions de Xingó
Cânions de Xingó


Quem visita a cidade de Aracajú tem milhares de coisas para fazer e conhecer, mas segundo o casal viajante vale a pena tirar um dia de folga da capital do Sergipe e viajar mais 200km para conhecer os Cânions de Xingó. O casal relata em seu blog que o passeio é feito pelos cânions de barco e tem uma duração aproximada de 3h, tendo como ponto de partida um restaurante localizado ao lado da usina hidroelétrica de Xingó, na cidade de Canindé do São Francisco. O barco segue navegando até a gruta do Talhado, onde é feita uma parada para que os turistas se refresquem nas águas do famoso Rio São Francisco.

Essas dicas são apenas um começo do que o casal tem para relatar. Gostou das dicas? Então acesse também o blog vaconferir.com e fique por dentro das viagens do casal Walter e Lucineide.

3 dicas para economizar na Lua de mel

Qual é seu destino
Qual é seu destino?

O destino da lua de mel é uma das maiores preocupações do casal, além da organização do casamento. As opções, sejam nacionais ou internacionais são diversas e para todos os gostos. E como os gastos com a cerimônia e a festa são altos, o Zankyou traz 3 dicas para que a lua de mel caiba no bolso do casal.

1 – Viajar de Carro

As passagens de avião são, sem dúvida, um dos maiores gastos da viagem dos noivos, principalmente quando são para lugares distantes. Se o orçamento está justo e não querem deixar passar o momento da lua de mel, uma viagem de carro pode ser uma ótima opção. O Brasil está cheio de opções de destinos, seja no seu Estado ou mesmo em países vizinhos. E para quem vive no sul do Brasil, o Uruguai é um destino incrível.

Crédito: Rafael Porto
Crédito: Rafael Porto

2 – Casar fora da alta temporada

Quando se pensa na lua de mel é bom levar em conta o mês do casamento e que temporada será no lugar onde pretendem ir. Ou se o primeiro que vem na cabeça é o destino da lua de mel, marque a data levando em consideração se o destino desejado está ou não em alta temporada.

3 – Incluir a viagem de lua de mel em cotas na lista de casamento

Com a lista  de casamento online, como a do Zankyou, o casal poderá ter o valor dos presentes oferecidos pelos seus convidados convertidos em dinheiro para gastar como quiserem. E com esse dinheiro poderá ter mais liberdade para escolher o destino da lua de mel. Dessa forma a sua viagem de núpcias pode ser muito econômica e até mesmo grátis!

Lista de casamento
Lista de casamento
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...